Postado em: 2 de outubro de 2017

Força Atlética/Estácio de Sá/Governo de Goiás é campeã invicta do Campeonato Brasileiro Júnior

Atletas comemoram a conquista de título inédito

A equipe da Força Atlética / Estácio de Sá/ Governo de Goiás encerrou neste sábado, no Ginásio Internacional Newton de Farias, em Anápolis (GO), a participação no Campeonato Brasileiro Júnior, vencendo o BGH (MA) por 41×33. Esta foi a primeira participação do time neste campeonato e as atletas do time goiano foram invictas durante toda a competição.

Além do primeiro lugar, o time também teve algumas das melhores jogadoras do Campeonato Brasileiro Júnior. Abyda Rafaella foi a melhor central da competição, Amanda Souza foi a melhor pivô e Juliana Morgana foi a melhor meia-direita. As três participaram da seleção do campeonato.

Jorge Castilho, técnico da Força Atlética / Estácio de Sá/ Governo de Goiás, avaliou como extremamente positiva a conquista do título inédito e de maneira invicta. “Este título é inédito para nós e estamos muito felizes. As meninas têm treinado bastante durante todo o ano e se destacado nas competições que participamos, com conquistas coletivas e individuais”.

Equipe

Jogaram pela Força Atlética / Estácio de Sá/ Governo de Goiás Elora, Marjorie, Barbielli Isadora, Sarah, Abyda Rafaela, Amanda Souza, Amanda Barreira, Juliana Morgana, Thaís Rosa e Yasmin. Além delas, jogaram ainda os cinco reforços do time: a ponta esquerda Jessika, a ponta direita Maria Eduarda, a armadora esquerda Camila, a ponta esquerda Ana Júlia e a armadora Raissa.

Competição

Cinco equipes femininas de cinco estados disputaram o Campeonato Brasileiro Júnior – fase final. Foi a primeira vez que a Força Atlética / Estácio de Sá/ Governo de Goiás representou Goiás na competição nacional. Com a conquista do título as atletas poderão se inscrever no Bolsa Atleta Nacional, do Ministério do Esporte.

Além da Força Atlética / Estácio de Sá/ Governo de Goiás, competiram as equipes do Português/ Aeso (PE); o Funguaru/ Guarulhos (SP); o Col. Francisco Xaviel (PA) e a BGH (MA).